18/09/2016

Sonda Rosetta fará pouso em cometa novamente

Pouso está marcado para 30 de setembro

A jornada da sonda Rosetta, que liberou o robô Philae para o primeiro pouso feito em um cometa, em 2014, estava programada para acabar em 2015, mas os astrônomos decidiram ampliar a missão. Um novo pouso no cometa, dessa vez da sonda Rosetta, poderia ajudar os cientistas a colher novos dados sobre a composição e formação desses objetos. Em 30 de junho, a ESA oficializou a decisão e marcou a data da aterrissagem para 30 de setembro. Faltava apenas escolher o lugar.

A região escolhida para receber Rosetta é chamada Ma’at, nome de uma antiga deusa egípcia relacionada à harmonia e ordem, e está na “cabeça” do 67P. O lugar fica no menor dos dois lóbulos do cometa, e abriga várias fossas ativas de mais de 100 metros de diâmetro e entre 50 e 60 metros de profundidade, que expelem diversos jatos de pó.
A manobra para o pouso vai começar em 29 de setembro: Rosetta fará uma lenta queda livre rumo ao cometa para maximizar o número de medições científicas que poderão ser feitas e enviadas à Terra antes do impacto.
Desde 9 de agosto, a sonda está traçando órbitas elípticas cada vez mais próximas do corpo celeste e, durante o último sobrevoo, poderia ficar a um quilômetro da superfície, uma distância nunca atingida, que possibilitaria novas observações com grande riqueza de detalhes. (Fonte: Veja.com)

Veja mais